quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Não sei se é normal de vez em quando pensar em você.
Não sei se faz bem pra saúde fechar o olhos e te imaginar aqui...
Teu cheiro, teu calor, teu cabelo, teu sorriso.
Acho que você nunca existiu.
Afinal, quando digo você, mal sei explicar a quem me refiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário